Cuide da pele e do corpo na primavera – Saiba quais tratamentos são indicados para a estação mais colorida do ano

A chegada da primavera é o momento ideal para cuidar da saúde da pele, que sofreu com o clima frio do inverno. Além disso, ainda dá tempo de fazer tratamentos corporais com foco na diminuição da gordura localizada, celulite e flacidez, queixas que tanto incomodam as mulheres.

 

Segundo a Dra. Camila Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e responsável pelo Instituto da Pelle Madureira, a proteção contra os raios solares, que pode ter ficado um pouco negligenciada na estação passada, precisa ser redobrada. “Na primavera, os dias já se tornam mais quentes e ensolarados. Além do filtro solar, que deve ser usado diariamente e reaplicado de forma periódica, é preciso reforçar a proteção com o uso de barreiras físicas (roupas e viseiras com proteção UV), principalmente nas atividades físicas ao ar livre, e buscar locais com sombra nos horários de maior incidência da radiação”, orienta a dermatologista.

 

Em relação à hidratação, a recomendação principal é beber bastante água. Além de eliminar as impurezas do organismo, esse poderoso líquido melhora a elasticidade da pele, promovendo uma renovação de dentro para fora. Uma dica da médica é intensificar com o uso de loções corporais, que proporciona uma pele macia sem deixá-la toda grudenta. Ela ainda destaca que, hoje em dia, já existem diversos produtos no mercado que unem as funções de hidratação e de proteção solar, inclusive com fator que confere alta (FPS > 30) e muita alta proteção (FPS > 50).

 

No consultório, o dermatologista pode avaliar a necessidade de troca do dermocosmético usado e, até mesmo, do higienizador facial, já que peles oleosas e com tendência à acne tendem a piorar nos dias mais quentes. Quanto aos procedimentos que podem ser feitos, a dica é apostar naqueles indicados para tratamento de flacidez e que não interferem na superfície da pele, como a radiofrequência e o Ulthera.  De acordo com a Dra. Camila, “o ultrassom microfocado entrega a energia às camadas mais profundas da pele e à musculatura, provocando um aquecimento local, além de estimular a produção de colágeno novo. O procedimento não altera a rotina do paciente e o resultado esperado é uma pele mais firme e um rosto com o contorno mais definido e bem natural”.

 

Já na parte corporal, destaque para a Criofrequência, novo tratamento disponível no Instituto da Pelle Madureira. “O resfriamento da ponteira permite que a radiofrequência do aparelho alcance temperaturas mais elevadas com segurança e com menor desconforto para o paciente, sendo altamente eficaz no combate à flacidez. Além disso, o procedimento não é invasivo e o paciente pode voltar para a sua rotina logo depois”, explica a médica. Geralmente, são recomendadas de quatro a seis sessões, com intervalo de 15 dias entre elas, mas a indicação mais precisa pode variar de paciente para paciente.

 

Outro tratamento corporal que vem se destacando é o Vanquish, indicado para perda de gordura localizada e o queridinho das pacientes na clínica. Ele utiliza a tecnologia da radiofrequência seletiva para reduzir medidas sem entrar em contato direto com o corpo, já que o aparelho cria um campo eletromagnético, que emite ondas que aquecem somente as células do tecido adiposo até provocar a morte celular destas. As células são absorvidas pelo organismo e eliminadas naturalmente. “Os efeitos colaterais são mínimos, como vermelhidão e sensibilidade na região tratada. Os resultados começam a ser visíveis cerca de 15 a 30 dias após o início do tratamento”, explica a médica.

 

Serviço | Instituto da Pelle Madureira

Estrada do Portela 99, lojas 266 / 267 – Centro Comercial Polo 1 – Madureira/RJ

Telefone: (21) 2450-2542

www.institutodapelle.com.br